ALMT vai tornar público projeto de Janaína Riva que institui o ‘mamóvel’

134

A luta contra o câncer de mama vai ganhar uma poderosa ferramenta em Mato Grosso. Numa ação quase unânime, os deputados estaduais derrubaram hoje (26) o veto do governador Mauro Mendes ao projeto que institui a prática de Exame de Mamografia Móvel. O projeto é da deputada Janaina Riva (MDB) e é especialmente importante para as mulheres que vivem nos municípios mais distantes, no interior do estado.

O veto por derrubado com 19 votos favoráveis e apenas quatro contrários. Com essa decisão, a própria Assembleia Legislativa deve promulgar a lei e o Governo terá de garantir um veículo adaptado, com todos os equipamentos necessários, para fazer o atendimento itinerante no Estado.

A deputada Janaína Riva agradeceu o apoio dos colegas. Ela explicou que a medida pode salvar muitas vidas através do diagnóstico precoce e do tratamento dos casos identificados ainda nos estágios iniciais. A parlamentar lamentou a recusa do Governo em implementar a medida.

“O governo do estado em um ato de total insensibilidade vetou integralmente o meu projeto de lei; porém, já existe uma carreta da saúde da mulher pronta no pátio da Secretaria de Estado de Saúde. Estranho, não? O meu PL tramitava desde 2019. Isso deixa bem claro que não existe o menor interesse do governo trabalhar em conjunto com os deputados, que possuem pautas relevantes e a missão dada pelo povo nas urnas de contribuir com a sociedade. O que esperamos dos secretários de estado é menos politicagem, menos propaganda e mais ação!”, desabafou a parlamentar pouco antes da derrubada do veto.

Única mulher na Assembleia há duas legislatura, Janaína Riva disse que a missão agora é garantir que o ‘mamóvel’ funcione e faça o máximo de atendimentos possível. Ela já adiantou que, se preciso, vai alocar emendas parlamentares para financiar o projeto.

“Nós esperamos que o mamóvel atenda todas as regiões e ajude na prevenção ao câncer de mama. Foi uma vitória importante e vamos fazer todo o esforço para que se torne uma realidade rapidamente”, afirmou.

Agoramt.com.br