Visões e Traslado: eleições EUA e Brasil a diferença das pessoas; caso pastor; Santa Cruz de La Sierra; rio de águas enferrujada, lamas, entulhos… – Pra. Elza Amorim Carvalho

172
Visões e Traslado: eleições EUA e Brasil a diferença das pessoas; caso pastor; Santa Cruz de La Sierra; rio de águas enferrujada, lamas, entulhos, sujeiras; Neguinho da beija-flor; Mara Maravilha x Bolsonaro; caixão, pessoas, acidente.
Na madrugada do dia 12 de dezembro de 2020 eu tive essas visões:
Eu ouvia muitas falas sobre as eleições tanto dos EUA como a do Brasil, sobre a aceitação do povo, principalmente da Igreja com os resultados. Foi quando eu ouvir assim:
“O pessoal da casa branca meio as trancas, está clamando por Justiça de Deus”
Depois eu ouvia e via uma reportagem, o apresentador entrevistava uma mulher, e o assunto era o que estava acontecendo no meio gospel, eu não entendi direito, parecia ser sobre a liberalidade, mas a reputação daquela mulher não era bem aceita. E ela falava sobre os evangélicos. Foi quando o apresentador lhe perguntou algo e ela respondeu:
“Antes eles ligavam para isto, hoje não, eu por exemplo, eu transei com um pastor” e nesta hora mostrava a fotografia dela com o pastor, juntos.
E isto criou um reboliço no meio da Igreja, porque os fiéis não sabiam da procedência deste pastor.
Minha mente voltou
(Algo está para ser revelado)
Depois eu continuei a ouvir sobre as eleições recentes Brasil e EUA. Então eu ouvir:
“Ao inverso daqueles que estão no meio fingindo não ver, eles estão é buscando a Deus’
Minha mente voltou
(Estava falando do Brasil, principalmente dos políticos gospel que estão vendo que houve coisas erradas, mas fingem não perceber, ao contrário do EUA que eles enxergaram e estão clamando a Deus por justiça, estão orando dentro da casa branca para não deixar a Nação cair nas mãos de operadores)
Ah Brasil que aceita tudo, Ah Igreja quanta dormência espiritual.
Depois eu ouvia algo muito tenso, mas só entendi o nome: Santa Cruz de La Sierra.
(Algo sério vai acontecer por lá)
Depois eu vi com um extenso rio, as águas eram muito barrentas, na cor de ferrugem, ou eram lamas, era uma vastidão, e eu via o reflexo da luz do sol por dentro dessas águas que pareciam serem grossas, nata enferrujada, avermelhada.
Em outra cena, via também muito entulhos, destroços, troncos de árvores, objetos, por dentro de lamas e águas, parecia que as águas ou lamas os haviam carregados.
(Penso que isto seja quebra de barragem)
Depois eu me vi passar o dedo na tela do celular e vi várias imagens, então, eu vi a foto de Neguinho da beija-flor, ele estava cantando, usava um microfone daqueles que prendem entre a orelha e a boca.
(Algo vai acontecer com ele e vai repercutir)
Depois eu ouvia uma reportagem na voz do jornalista Celso Freitas, mas eu só entendi mais ou menos assim:
“Mara Maravilha reage a ação de Bolsonaro”
Minha mente voltou
(Esta, vai falar alguma coisa contra algum feito do Presidente e vai gerar polêmica)
Na madrugada do dia 11de dezembro de 2020 eu tive essa visão:
Eu não entendi direito, mas eu via duas cenas, uma na frente da outra, eu só conseguir guardar algo da detrás, mas, a cena da frente era uma sequência.
E, eu me vi vendo a cena da frente e perguntei para alguém:
“Ohhh, morreu?”
Então eu vi a cena detrás, eu não sei se ali era mangue, seco, areial, área similar, haviam matos, árvores na redondeza, e ali tinha muitas pessoas, eu via vários adolescentes, curiosos, eu vi que haviam pessoas descalças e muitas de sandálias de tirinhas, tipo havaianas, e vi um jovem usando uma com as tiras azuis.
Estava tenso ali, um clima de curiosidades. Foi quando eu vi um caixão de adulto, madeira meio amaronzada brilhosa no chão, e penso que já tinha um corpo dentro.
Eu não sei se foi um avião que caiu ali, ou foi outro tipo de acidente, penso que havia um espaço com vegetação atrás de onde muitas pessoas estavam. E era ali que havia acontecido esse acidente, tragédia.
Minha mente voltou
Semanas atrás eu tive uma visão e compartilhei, em que eu via a bandeira do Brasil com as cores muito bonitas, fortes e de repente as cores ficavam opacas, como sintética.
Penso que foi no dia 11 deste, quando eu ouvir uma entrevista com o Ministro Paulo Guedes aonde ele falava a situação para comprar as vacinas, que o dinheiro teria que ser tirado de algum lugar.
E atrás, meio do lado dele tinha uma bandeira do Brasil.
Quando ele falou das vacinas, eu vi as cores da bandeira ficar igual como eu tinha visto na visão, sintética sem beleza nenhuma. Então eu falei: há meu Deus então é isto.
Até eu me assustei.
Amados essas vacinas é um grande golpe satânico para destruír as pessoas. Pelo amor de Deus, acordem.
Mas, quando vier isto (eis que está para vir), então saberão que houve no meio deles um profeta. Ezequiel 33:33
Pra. Elza Amorim Carvalho
# redes sociais