Visão e Enigna: Dengue e chikungunya, congonhas, barragens, estádio de Pituaçu – Por Pra Elza Amorim Carvalho

55

Na madrugada do dia 18 de junho de 2019, eu tive rápidas visões.
Eu ouvia muitas vozes, muitos fatos que ocorriam ao mesmo tempo, havia muita balbúrdia, tumulto.
Eu entendia que havia um evento, algo de grande impacto. 
Foi quando eu escutei uma voz falar:  “mais de cinco mil com dengue e quatrocentos pessoas pegar chikungunya”
Minha mente voltou.

Depois, eu via pessoas passando, via algo tenso, tentava entender o que se tratava, mas não conseguia, mas ouvir alguém mim dizer:  “Pavilhão 3” e um nome similar a “congonhas”.

Já dia claro, eu também ouvir um enigma, eu me vi falando com alguém assim:  “eu penso 1, ele pensa 2, eles pensam e pensam 4”
E, logo em seguida eu vi, parecia um grande lago, mas dentro de mim eu sabia que era uma barragem.
Parei de ver.
(Eu creio que isto é a preocupação com as barragens, que irão estourar)

Nesta noite, 19 de junho,  eu orei a Deus que mim falasse que nome foi que eu ouvir na visão do pavilhão.
E eu ouvir muito barulho de novo e havia algo tenso, e eu ouvir a palavra “congonhas”.
Em seguida eu vi algo parecia um avião por dentro e eu vi uma mulher e uma criança sentados logo no lugares da frente.
Na minha visão pensei: é sequestro Senhor?
Parei de ver.

Depois eu via muita confusão,  tumulto, parecia muitas pessoas passando. E eu ouvir falar assim:  “estádio de Pituaçu,  Bahia e…”eu não entendi o outro nome e mim assustei.

Mas, quando vier isto (eis que está para vir), então saberão que houve no meio deles um profeta.
Ezequiel 33:33

Pra Elza Amorim Carvalho
Elzacarvalho68@gmail.com