Publicada em 11/05/2018 às 14:52

5 benefícios da água com gás

A água com gás faz bem para a saúde, pois além de hidratar, contém os mesmos micronutrientes que a água natural.

A água com gás faz bem para a saúde, pois além de hidratar, contém os mesmos micronutrientes que a água natural, sendo diferenciada pela adição do CO2 (gás carbônico), que é um gás inerte, eliminado do corpo a seguir a ingestão. Ele apenas confere a presença de bolhinhas e um sabor mais ácido, 

Porém algumas marcas adicionam substâncias, sabores e adoçantes artificiais extras, como as águas tipo soda, que acabam diminuindo o efeito saudável deste tipo de água por isso é recomendado que se observe o rótulo das embalagens. A água com gás simples, sem aditivos é a que tem todos os benefícios da hidratação, sendo muitas vezes de grande ajuda a quem não consegue beber muita água sem gás.

 

5 benefícios da água com gás

 

Assim, os principais benefícios da água com gás são:

1. Hidratar o corpo

A água com gás hidrata tanto quanto, e tem os mesmo nutrientes da água natural. Além disto, a adição do dióxido de carbono não faz mal à saúde porque o corpo absorve e elimina este gás.

2. Ser rica em nutrientes

A água mineral, tanto com ou sem gás, é rica em nutrientes como cálcio, potássio e magnésio. Como também contém sódio, as pessoas que têm pressão alta devem ficar atentas ao rótulo, pois algumas marcas podem adicionar quantidades a mais desta substância, devendo-se evitar as marcas que fazem isto. 

3. Ajudar a emagrecer

O gás presente na água gaseificada, quando liberado no estômago, aumenta a sensação de saciedade e de estômago cheios, o que pode ajudar a comer menos e diminuir a quantidade de calorias em uma refeição. Além disso, a água com gás não tem calorias e, por isto, pode ser consumida à vontade.

4. Melhorar o paladar

A água com gás deixa as papilas gustativas mais sensíveis ao sabor do alimentos, podendo acentuar o seu sabor, sendo, portanto uma ótima opção antes de apreciar um café ou uma taça de vinho, por exemplo.

Além disto, o CO2 presente na água estimula o funcionamento do estômago, aumentando a sua secreção e esvaziamento, podendo melhorar a sensação de digestão.

5. Pode substituir o refrigerante

Além de ser tomada na sua versão natural, a água com gás pode ser uma forma saudável de substituir o refrigerante, através da sua aromatização. Utilizar limão, raspas de laranja, hortelã e gengibre, por exemplo, podem ser ótimas formas de tornar a bebida mais saborosa e facilitar o consumo de água ao longo do dia. 

Aprenda, no vídeo a seguir, dicas para aromatização e outras técnicas para aumentar a quantidade de água por dia:

 

 

Água com gás prejudica a saúde?

 

Devido a semelhança na aparência e no sabor de bebidas como o refrigerante, existem muitos mitos criados à respeito da água com gás.

  • Não prejudica a gravidez e pode ser consumida normalmente neste período, entretanto, na gravidez a sensação de estômago cheio e inchaço pode ser maior, pois a barriga aumentada pressiona o estômago, tornando-o mais sensível. 
  • Não provoca celulite, pois o aumento de gordura no bumbum ou pernas é causada devido ao consumo de bebidas ricas em açúcar, como refrigerantes e sucos de caixinha. 
  • Não causa alterações ou corrosão dos dentes, pois a quantidade de ácido não é muito elevada a ponto de ter mais acidez do que um refrigerante ou um suco de limão por exemplo. Assim, para causar mal aos dentes, a água com gás precisaria ficar muitas horas em contato com os dentes, o que não acontece.
  • Não tira o cálcio dos ossos, e não interfere na absorção do cálcio dos alimentos. Isto pode acontecer ao tomar refrigerante em excesso, principalmente porque, com o consumo em excesso desta bebida, outras fontes de minerais são deixadas de lado. Além disto, no refrigerante, o excesso de cafeína e ação do ácido fosfórico pode diminuir a densidade mineral óssea.
  • Não faz mal aos rins, e quanto mais consumida melhor, assim como a água natural, para que eles funcionem de uma forma melhor e o corpo esteja hitratado. 

A quantidade necessária de água por dia, com ou sem gás, é de cerca de 2 litros, ou 8 copos, mas isto pode variar de acordo com o peso da pessoa, se faz atividade física ou sua em excesso, e com a presença de algumas doenças, como insuficiência renal ou insuficiência cardíaca.

Quando não beber água com gás

Devem ser evitadas marcas de água que têm outros produtos adicionados, como sabor artificial, açúcar, adoçante, sódio e outros conservantes.

Além disto, a água com gás não deve ser a primeira opção para crianças, pois, apensar de fazer tão bem quanto a água sem gás, é importante acostumar o paladar da criança à água natural, para que ela goste e não deixe de beber a água em nenhuma ocasião.

Autor: tuasaude.com
Fonte: tuasaude.com

Comente com o Facebook